Clube Náutico Capibaribe e Pro Tork renovam contrato de licenciamento de produtos

4 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 4 Filament.io 4 Flares ×

Clube Náutico Capibaribe e a gigante do mercado de peças e produtos para motos e motociclistas, Pro Tork, firmaram renovação de contrato de licenciamento de produtos. Com intermediação da License Soultions, clube e marca continuarão levando produtos de alta tecnologia e qualidade para a torcida do Timbú. Além de capacetes para motociclistas, principal produto da empresa,  serão produzidos e comercializados ainda mini-capacetes decorativos, cofrinhos com formato de capacetes, copos e coolers para latinhas.

CNC-x-ProTork_interno

 

Sobre a Pro Tork

Em 1988 nascia na cidade paranaense de Curitiba uma empresa que viria se tornar líder mundial na produção de capacetes, além da maior fábrica de moto peças da América Latina. Mas até alcançar este posto, um longo caminho foi percorrido pela Pro Tork, que teve seu início de forma despretensiosa, com a produção artesanal de escapamentos para motos importadas.

Analisando as necessidades do mercado, a marca passou a desenvolver novos itens, investindo em tecnologia, na capacitação dos profissionais e também em estrutura. Foi então que, em 1993, tomou a importante decisão de se instalar no Norte Pioneiro do estado do Paraná, em Siqueira Campos.

Lá, conseguiu desenvolver projetos audaciosos, como o da primeira fábrica de motos do Sul do país, entre muitos outros. Atualmente a Pro Tork conta com oito unidades, que somam 350 mil metros de área construída, movidas por mais de quatro mil funcionários, responsáveis por um catálogo com cerca de dez mil produtos.

Parte do sucesso se deve as pistas. Seus produtos são testados diariamente pelos melhores atletas do motociclismo. Falando nisso, a Pro Tork é uma das empresas brasileiras que mais investem no esporte, patrocinando não apenas grandes nomes, mas também pilotos de categorias de base. A empresa ainda apoia outros esportes radicais, como motocross freestyle, wheeling e drifting.

Tudo isso a levou a dominar o mercado nacional, com 72% de participação. A cada 10 motos em circulação no Brasil, sete tem pelo menos um item da marca. Todos os dias, dezenas de carretas deixam a sede da Pro Tork para abastecer o varejo e as linhas de produção de outras empresas do segmento duas rodas. O exterior também recebe seus produtos, 56 países são atendidos.

Bruno Koerich de Paula

Diretor Executivo na License Solutions - Soluções inovadoras em licenciamento de marcas e controle de royalties.

You may also like...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *