Quer saber na prática como o Royalty Controller pode ajudar a sua marca?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

Hoje vamos falar, na prática, como o Royalty Controller ajuda no processo de gestão dos contratos de licenciamento.

A ideia é fazer um tour pelo software para que você possa entender os passos realizados para a gestão de um contrato de licenciamento.

Start na operação do Royalty Controller

O primeiro passo é adicionar a empresa licenciada no Royalty Controller. Para isso basta adicionar a informações abaixo:

Razão Social, CNPJ, Nome e E-mail de contato. 

Após inserir as informações da empresa vem a parte do contrato. Nesse ponto a marca deverá inserir as informações como vigência, royalties, garantia mínima, sell off, etc

Com isso o Royalty Controller conseguirá fazer todos os cálculos dos fechamentos enviados pelas empresas licenciadas.

A partir do momento que a marca realiza esses cadastros, o bastão passa para a empresa licenciada, que irá realizar o cadastro dos produtos e prestação de conta das vendas realizadas.

Depois que os dados passam a ser inseridos pelas empresas licenciadas o software começa a trazer informações para a marca, que consegue monitorar todas as vendas realizadas, ranking dos melhores produtos entre outros diversos relatórios e dashboards.

Se a marca optar, ainda temos a Gestão de Cobranças, que realiza todas emissões de boletos de forma automatizada, garantindo, através de régua de cobrança, que os pagamentos sejam realizados com taxa de inadimplência reduzida, pelas empresas licenciadas.

Quer mais informações? Solicite uma demonstração.

Bruno Koerich de Paula

Diretor Executivo na License Solutions - Soluções inovadoras em licenciamento de marcas e controle de royalties.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *